Home Dicas Empresarial Como dar feedback? Conheça 6 dicas que vão motivar sua equipe

Como dar feedback? Conheça 6 dicas que vão motivar sua equipe

por Marcelo Braga
como dar feedback: 6 dicas que vão motivar sua equipe

Você sabe como dar feedback? Muitas pessoas reconhecem que esse momento não é fácil, pois geralmente envolve questões delicadas, como o comportamento de um colega, a mudança numa atividade corriqueira ou sentimentos sobre determinadas situações.

Mas, sendo uma soft skill relacionada à comunicação, é importante ter em mente que o gestor ou líder que vai fornecer o feedback tenha conhecimentos básicos sobre comunicação assertiva e inteligência emocional, para conduzir da melhor forma a reunião.

Desta maneira, mais do que informar um subordinado ou membro da equipe sobre alguma situação específica, entender como dar feedback adequado pode ocasionar motivação para mudança e confiança no gestor ou líder, aspectos positivos para a empresa.

Neste artigo, vamos definir o que é um feedback e dar algumas dicas para transformar um momento complicado em uma conversa sempre positiva e edificante.

O que é e como dar feedback?

Pode-se dizer, em linhas gerais, que feedback é uma conversa sobre desempenho e situações que envolvam o trabalho individualmente. É um dos aspectos que fazem parte do desenvolvimento profissional do colaborador, pois tem a capacidade de apontar erros, acertos e oportunidades de melhoria nas atividades e processos de cada um.

Para tanto, aquele que vai dar oferecer o feedback precisa transmitir a mensagem de forma que ela seja assimilada e construa, na mente de quem vai receber, motivação e incentivo para realizar as mudanças necessárias.

Antes disso, então, o gestor ou líder precisa organizar suas ideias, preparar-se de informações concretas e fatos (se necessário) e garantir uma comunicação não violenta durante a reunião, mantendo sempre a calma e sabendo a hora de ouvir.

Para entender como dar feedback, é importante não esquecer que o objetivo principal é desenvolver o profissional e não destruir sua autoestima nem ampliar as distâncias já existentes com relação a expectativas e resultados.

SAIBA MAIS: RH HUMANIZADO: O QUE É E DICAS PARA ADOTAR NA EMPRESA

Em outras palavras, o feedback faz parte do desenvolvimento e melhoria contínua do colaborador.

Quais são os tipos de feedback?

Uma das características básicas de como dar feedbacks melhores é que eles precisam ser regulares. Ok, dar e receber feedback diariamente pode esvaziar de importância esse momento; por isso recomenda-se realizar a reunião com frequência semanal, mensal e uma maior, com visão macro, anualmente.

Em casa ocasião, é importante lembrar e pôr em prática os tipos de feedbacks. São 3:

  • Reconhecimento: é um elogio, uma demonstração de gratidão, palavras que vão mostrar ao colaborador que ele está no caminho certo;
  • Avaliação: envolve tecer uma crítica construtiva e/ou avaliar uma ação; é mais difícil, pois considera-se falar sobre pontos fracos do outro e geralmente isso carrega alguma carga negativa;
  • Orientação: é uma forma de guiar para as mudanças, com ideias e soluções práticas, evitando que a crítica tecida na avaliação seja apenas um “desabafo” sem edificação nenhuma.

6 dicas sobre como dar feedback

Além de estruturar suas ideias e organizar sua fala antes de se reunir com a pessoa que vai receber o feedback, é importante ter em mente que todo o momento será permeado pela comunicação.

Para isso, reunimos 6 dicas de como dar feedback que podem motivar e guiar suas equipes para o resultado, além de gerar confiança no seu trabalho também, gestor e líder.

1) Clareza sobre o assunto

Se o feedback é sobre algo que aconteceu na quarta-feira, então fale especificamente sobre o que ocorreu na quarta-feira. Falar genericamente deixa o assunto vago, favorece a dispersão do colaborador e prejudica a transmissão clara da mensagem.

2) Elogio público, crítica particular

Tenha em mente que a crítica, quando tornada pública, ou seja, com todos do grupo presentes, pode acabar com a autoestima do colaborador e com a confiança no líder. Ao contrário, se você elogia abertamente um comportamento exemplar, você cria motivos para que a atitude positiva seja replicada no ambiente de trabalho.

3) Utilize os 3 tipos de feedback

É uma boa estratégia realizar uma avaliação de desempenho começando com os elogios (reconhecimento), passando pelos pontos negativos (avaliação) e indicando os caminhos para a melhoria no trabalho (orientação). Passa a visão de que o gestor conhece os pontos fortes e os pontos fracos do colaborador, além de conhecer também o caminho que ele deve trilhar para manter sua evolução.

4) Ouça com atenção

Uma das maneiras de demonstrar que se sabe como dar feedback é ouvindo com atenção o que o outro tem a dizer. Sim, ouvindo. Porque a partir do relato dele, da visão dele sobre as coisas, é que se pode chegar a um denominador comum e concretizar a orientação.

5) Tudo tem o tempo certo

O melhor momento para dar um feedback é logo depois do ocorrido, ou o mais breve possível. Isso evita que detalhes importantes se percam na lembrança, ou que os efeitos do acontecimento se dissipem no tempo. Mas, é claro, se você pretende conversar sobre os resultados entregues por determinado colaborador, é importante fazê-lo ao final do período.

6) Frequência do feedback

Se o feedback é uma estratégia corporativa de desenvolvimento profissional e melhoria contínua, é importante que se tenha uma certa frequência nessas reuniões. Isso também proporciona maior alinhamento da equipe e maior valorização do colaborador. 

Agora você está pronto para dar seu próximo feedback? Com organização, responsabilidade e domínio da comunicação, esse pode ser o momento mais esperado da semana, tanto para o gestor ou líder quanto para o colaborador.

Você pode gostar também de

1 Comente

Eduardo Santos Silva 27 de novembro de 2022 - 20:44

Muito bom e elaborativo e praticamente boas ideias sobre os feedbacks.

Resposta

Deixe um comentário